Notícias

Vereadora solicita iluminação e Câmara Municipal do Rio de Janeiro participa do Outubro Rosa

camararosaO movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é celebrado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa, símbolo da luta contra o câncer de mama, e estimula a participação da população, empresas e entidades.

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma. Ele também acomete homens, porém é raro, apenas 1% do total de casos da doença. Segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar (INCA), não existe uma causa única para o surgimento da doença, mas cerca de 30% dos casos da doença podem ser evitados quando são adotadas práticas saudáveis como: praticar atividade física regularmente, alimentar-se de forma saudável; manter o peso corporal adequado e evitar o consumo de bebidas alcoólicas. Amamentar também é um importante fator de proteção.

 VEREADORATB– O Rio de Janeiro adere à campanha por meio de diversas ações e a Câmara de Vereadores não poderia ser diferente. A Casa do Povo ficará na cor rosa durante todo o mês. Esta iniciativa é muito importante, pois somente para este ano de 2015 são mais de 57 mil novos casos, segundo o Inca -, disse a vereadora Tânia Bastos

Presidente da Comissão Permanente de Defesa da Mulher, a parlamentar irá participar de várias ações que serão realizadas com o tema.

– Nesta próxima segunda-feira, dia 5 de outubro, estarei junto dos voluntários da Fundação Laço Rosa e da Américas Amigas na cerimônia que vai marcar o início da iluminação do Cristo Redentor. É muito fundamental que as pessoas saibam que câncer de mama tem tratamento e o diagnóstico precoce é fundamental. O Ministério da Saúde disponibiliza o atendimento integral a qualquer doente com câncer, por meio do Sistema Único de Saúde, o SUS. Não deixem de procurar um médico para fazer os exames necessários e saber mais informações – concluiu ela.

Quem quiser distribuir folhetos, o Inca disponibiliza a versão on-line do material. Clique aqui e baixe a cartilha.

 

Comentários

Compartilhe nas Redes Sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin