Notícias

Vereadora Tânia Bastos, Governo do Estado e Prefeitura do Rio debatem a regularização do Transporte Complementar Cabritinhos

encontrocabritinhosA vereadora Tânia Bastos, o secretário municipal de Transportes, Carlos Osório, o vice-presidente do Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro), Alcino Rodrigues Carvalho, e o vice-governador, Luiz Fernando Pezão, se reuniram para discutir sobre a regulamentação do Transporte Complementar Cabritinhos, no Palácio Guanabara.

Durante o encontro, o secretário municipal de Transportes, Carlos Osório, reconheceu a dívida histórica que a Prefeitura do Rio tem com a categoria. “Conversei com o prefeito Eduardo Paes e nós não tratamos o assunto Cabritinhos como deveria. Na nossa visão, o trabalho de vocês é importante para a cidade, merece e deve ser regularizado. Existe a necessidade tanto político-institucional quanto técnica. Pelo nosso relevo, este serviço é fundamental para atender nosso cidadão, por isso, o prefeito solicitou à Secretaria que desse prosseguimento na regularização”, disse.

Osório afirmou que a secretaria está na fase do fechamento da regularização. Esta será realizada de acordo com um cronograma. “Não temos como abranger todos os bairros ao mesmo tempo. Vamos começar pela área do Centro, incluindo Estácio, São Carlos, São Cristóvão, a Zona Portuária, até o Caju; da Zona Sul, que já estamos com quase tudo pronto, e a Grande Tijuca. Em seguida faremos Zona Norte e Zona Oeste. A previsão é começar a implementar o sistema em outubro e ao mesmo tempo traçar os itinerários dos outros bairros. Em seguida, nós faremos a capacitação dos operadores”, anunciou ele, que também irá instalar o equipamento do Bilhete Único em todos os veículos.

DSCF2751O vice-governador, Luiz Fernando Pezão, destacou que o governador Sérgio Cabral tem preocupação com a categoria. “O governador é sensível ao Transporte Complementar Cabritinhos e sugeriu ao prefeito que o serviço de vocês seja incorporado ao sistema de transporte da cidade”, afirmou. Já o vice-presidente do Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro), Alcino Rodrigues Carvalho, se colocou à disposição da Prefeitura para contribuir durante este processo. “Sabemos que o Detro é visto como um órgão repressor, mas queremos ser parceiros de vocês e a regulamentação deste transporte será importante neste sentido”, disse ele.

Representantes dos motoristas, Walter Luiz Baptista reforçou a importância da regulamentação para os profissionais. “Estamos cansados de falsas promessas. Lutamos há anos para isso. Não queremos nada provisório, mas uma solução definitiva para o nosso transporte”, observou.

A vereadora Tânia Bastos fez uma avaliação positiva do encontro. “Estamos saindo daqui aliviados e com a certeza de que vamos resolver. Estou há cinco anos ao lado destes trabalhadores e conheço bem o drama que eles vivem”, concluiu a parlamentar.

Comentários

Compartilhe nas Redes Sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin